Casos de desabamentos de prédios no Brasil

Roberto Massaru Watanabe
Roberto Massaru Watanabe
Roberto é engenheiro civil formado pela USP e especialista em patologias das edificações.

Infelizmente, casos de desabamento de casas, sobrados e prédios são relativamente frequentes no Brasil. A maior parte não chega a ser noticiada na grande imprensa ou é divulgada sem grande destaque.

Confira abaixo os casos mais famosos de desabamentos no país:

Palace II

Edifício de 22 andares com 3 anos de vida na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, desabou no dia 22/02/1998, causando a morte de 8 moradores.

Enseada de Serrambi

Edifício de 4 andares no Jardim Fragoso, no Recife, desabou no dia 27/12/1999, causando a morte de 7 moradores.

Areia Branca

Edifício de 12 andares com 26 anos de vida em Piedade, no Recife, desabou em 14/10/2004, causando a morte de 4 moradores.

Santa Fé

Edifício de 3 andares em Capão da Canoa, no Rio Grande do Sul, desabou em 19/07/2009, causando a morte de 4 moradores.

Edifício Itália

Edifício de 17 andares com menos de 1 ano de vida em São José do Rio Preto desabou em 16/10/1997, felizmente sem perdas fatais.

Alegando que os outros dois edifícios do mesmo conjunto, também com 17 andares cada, tinham sido construídos pela mesma construtora e que, portanto, estavam sujeitos aos mesmos erros construtivos, foi determinado pela Justiça que fossem implodidos, o que ocorreu no dia 29/04/1998.

A implosão não foi bem executada, vindo a afetar uma galeria de águas pluviais.

Edifício Liberdade

Edifício no Rio de Janeiro sofreu desabamento total em 25/01/2012, o que causou o desabamento de outros dois prédios de menor porte, causando a morte de 22 pessoas, sendo que os corpos de cinco vítimas nunca foram encontrados.

Edifício Senador

Edifício no centro de São Bernardo do Campo, em São Paulo, sofreu desabamento parcial em 06/02/2012, causando a morte de 2 pessoas.

Compartilhe esse artigo

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email
Imprimir

Compartilhar

Artigos relacionados

Leia também

plugins premium WordPress